Amazon (AMZO34) se torna a 5ª empresa dos EUA a ultrapassar US$ 2 tri em valor de mercado

Ações da empresa subiram mais de 3,5% no meio do dia, cruzando esse limiar. A Amazon está em alta de mais de 25% este ano e mais de 50% nos últimos 12 meses.

As ações da Amazon (AMZO34) subiram nesta quarta-feira (26), tornando-a a quinta empresa dos Estados Unidos a ultrapassar a marca de US$ 2 trilhões em valor de mercado, juntando-se a outros gigantes da tecnologia como Alphabet, Apple, Microsoft e Nvidia.

As ações subiram mais de 3,5% no meio do dia, cruzando esse limiar. A Amazon está em alta de mais de 25% este ano e mais de 50% nos últimos 12 meses.

Levou mais de quatro anos para a Amazon adicionar outro trilhão à sua capitalização de mercado desde que ultrapassou a marca de US$ 1 trilhão em fevereiro de 2020.

Em comparação, a Nvidia levou 180 dias para alcançar seu segundo trilhão, impulsionada pela demanda insaciável por seus chips avançados que estão alimentando o boom da inteligência artificial (IA). A Nvidia agora está avaliada em cerca de US$ 3,06 trilhões.

O CEO da Amazon, Andy Jassy, reorientou significativamente a empresa para focar em inovações em IA, após ficar atrás da Microsoft, Google e outros concorrentes nesse espaço.

Em sua carta anual aos acionistas em abril, ele delineou sua visão de como a IA generativa poderia ser um ponto essencial para estabelecer o próximo pilar de crescimento da Amazon, após seu “marketplace” de varejo online, o Amazon Prime e sua unidade de computação em nuvem, Amazon Web Services.

Em relatório, os analistas do Bank of America (BofA) destacaram o negócio de logística da Amazon, dizendo que tem potencial para ser a maior transportadora do país, à frente da UPS. Os analistas também projetaram uma melhoria nas margens que poderia aumentar as projeções de Wall Street para lucro da empresa.

Com informações do Valor Econômico

Leia a seguir

Leia a seguir