Tem valor para receber nos bancos? Banco Central libera serviço dia 14 de fevereiro – saiba como fazer a consulta e resgatar valores

As solicitações de pagamento, no entanto, só poderão ser feitas a partir de 7 de março, mediante agendamento

Maiores companhias da B3 retornaram R$ 280 bilhões em proventos a acionistas
Maiores companhias da B3 retornaram R$ 280 bilhões em proventos a acionistas

Suspenso após gerar demanda acima do previsto, o Sistema Valores a Receber (SVR) do Banco Central será retomado apenas em 14 de fevereiro. As solicitações de pagamento, no entanto, só poderão ser feitas a partir de 7 de março, mediante agendamento.

No momento da consulta, quem tiver dinheiro a ser devolvido por alguma instituição financeira será informado sobre a data em que poderá pedir a transferência para sua conta.

A ferramenta, integrada ao Registrato, foi lançada na segunda-feira e suspensa no dia seguinte. O excesso de demanda derrubou o site do BC, que ficou mais de 24 horas fora do ar.

“Para que o SVR possa voltar a atender a todos os cidadãos com estabilidade e segurança, o BC está investindo fortemente na ampliação de sua capacidade de atendimento”, disse a autoridade monetária em nota.

“O BC informa que, a partir de 14/02/2022 , o cidadão poderá consultar se têm algum valor a receber. Em caso positivo, será imediatamente informado sobre a data em que poderá solicitar a transferência dos recursos para sua conta. Essas solicitações de transferências poderão ser agendadas a partir de 07/03/2022 , na data informada pelo sistema”, completou.

A autarquia informou que os cidadãos não devem se preocupar com a manutenção de seus recursos não procurados nesse período. “Não há risco de prescrição ou perda desses recursos, que permanecerão guardados pelas instituições financeiras à espera de seus proprietários”, afirmou.

Fique atento a golpes no Sistema Valores a Receber

O BC alertou ainda sobre golpes que utilizam o sistema. “O BC não entra em contato com os cidadãos. Qualquer informação sobre valores a receber só poderá ser obtida a partir de 14/02/2022 . A solicitação de resgate no SVR será feita por meio de usuário e senha e os recursos serão transferidos diretamente das instituições financeiras para os cidadãos, que não devem fazer qualquer depósito prévio a qualquer pessoa ou instituição”, disse.

O Registrato reúne informações do consumidor junto ao sistema financeiro, como contas abertas e crédito tomado. A consulta é gratuita.

Os valores a receber podem ser de recursos remanescentes de contas que foram fechadas ou restituição de cobranças indevidas, por exemplo. Na ferramenta, o consumidor pode também solicitar o pagamento dos recursos.

Com informações do Valor Econômico.


Você também pode gostar
Manhã Inteligente Publicado em 30.jun.2022 às 12h06
PIB dos Estados Unidos, investimentos em debêntures, golpes financeiros

Isabella Carvalho e Ítalo Martinelli comentam esses e outros assuntos que podem afetar seu bolso nesta quinta (30)

Redação IF Publicado em 30.jun.2022 às 07h34
Câmara amplia teto do crédito consignado a 45% e autoriza desconto até em programa assistencial

Modalidade de empréstimo desconta imediatamente parte da renda da pessoa para quitar o financiamento

Listas IF Publicado em 29.jun.2022 às 17h13
Como evitar compras por impulso

O que fazer para não gastar sem controle e comprometer seu orçamento? Veja as dicas do Listas IF

Redação IF Publicado em 29.jun.2022 às 14h13
Golpes financeiros: veja como os fraudadores agem e saiba como dribla-los

Até a filha da Xuxa foi vítima de criminosos; desconfie de ganhos fáceis