Ferramenta lançada pelo Banco Central para devolver dinheiro retido pelos bancos segue instável

Os valores são fruto de contas-correntes ou poupanças encerradas ainda com saldo disponível, tarifas ou parcelas cobradas indevidamente e sobras de crédito e recursos de consórcio

Maiores companhias da B3 retornaram R$ 280 bilhões em proventos a acionistas
Maiores companhias da B3 retornaram R$ 280 bilhões em proventos a acionistas

A página do Banco Central que mostra valores esquecidos em bancos segue instável na manhã desta terça-feira (25). Segundo a instituição, que trabalha no ajuste do serviço, a ferramenta recebeu demanda “acima da esperada”. Ainda não há previsão de retorno à normalidade.

Na noite de segunda-feira, horas depois que o serviço foi lançado, o monitor de serviços online Downdetector já registrava um pico de 110 queixas relacionadas ao site. Por volta das 10h desta terça, a curva registrou um novo aumento e chegou a 75 reclamações.

O Sistema de Valores a Receber, como foi batizado, permitirá a devolução de cerca de R$ 8 bilhões para cidadãos e empresas que, em grande parte, não sabem que têm o dinheiro a disposição.

Os valores são decorrentes de contas-correntes ou poupanças encerradas ainda com saldo disponível, tarifas ou parcelas cobradas indevidamente por bancos, cotas ou sobras de pessoas que participaram de cooperativas de créditos e recursos de grupos de consórcios que não foram procurados pelos donos.

O dinheiro é devolvido em 12 dias úteis.


Você também pode gostar
Henrique Silva Publicado em 20.maio.2022 às 16h51
Dinheiro deve ser assunto logo no primeiro encontro?

Caso da jornalista que recebeu planilha de gastos do "date" tem muito a ensinar

JOTA Atualizado em 21.maio.2022 às 07h47
Análise: Como mitigar os efeitos da inflação no seu bolso?

Correção dos rendimentos pela inflação os leva à faixa superior da tabela progressiva do IR

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 09h28
Rio ou São Paulo: onde o aluguel é mais barato?

Se for para investir, cuidado. Até a poupança tem rentabilidade melhor do que a locação

Gustavo Zanfer Atualizado em 21.maio.2022 às 07h43
Como montar uma carteira de longo prazo?

É difícil, mas é importante ter uma estratégia financeira para daqui a alguns anos

Listas IF Atualizado em 18.maio.2022 às 17h29 Duração 1 min.
Pense bem antes de gastar no cartão de crédito

O que você pode fazer para gastar com sabedoria (e sem afobação)? Maju Marques dá quatro dicas para cuidar do seu dinheiro

Redação IF Publicado em 16.maio.2022 às 16h08
Por dentro de uma reunião dos devedores anônimos

Irmandade ajuda as pessoas a se livrarem do vício das compras