O que é educação financeira?

Todas as respostas vão para o mesmo lugar, e tem a ver com inteligência financeira

Ilustração: Renata Miwa

Pontos-chave

  • É fazer planos, sonhar e tornar o sonho realidade, sem que isso vire um pesadelo
  • E evitar que você se contamine pelo efeito manada

Muita gente tem dúvidas sobre o que a educação financeira é de fato. É sobre gastar dinheiro de maneira eficiente? Ou é investir perdendo o mínimo? Ou ainda: é não se deixar contaminar pelo efeito manada? Você pode fazer diversas outras perguntas, mas certamente vai cair sempre na mesma resposta. E tem a ver com sua inteligência financeira.

O que é educação financeira?

Educação financeira não se resume a fazer contas. Se fosse só isso, seria tudo muito chato. Mas ela vai além: tem a ver com fazer planos, sonhar, tornar o sonho realidade sem que isso vire um pesadelo. “Quando a gente fala de educação financeira muita gente pensa só em dinheiro ou só em números, mas não é só isso. Educação financeira existe para a pessoa entender em profundidade como lidar melhor com o dinheiro e tomar melhores decisões, saber onde estão os riscos, se existem oportunidades, onde encontrar informações de qualidade – e não ruídos”, explica Valter Police, planejador fiduciário da Fiduc.

Como fazer o dinheiro trabalhar para você?

A educação financeira pode causar arrepios em algumas pessoas, porque ela tem ligação com matemática. Mas ela não se resume a isso. Saber os conceitos básicos de matemática e o funcionamento dos juros nos ajuda a entender as mudanças de valor do dinheiro no tempo, por exemplo. “Se eu te perguntar: você prefere receber R$ 100 hoje ou R$ 1.000 daqui a um ano, você pode optar pelo imediatismo. Mas vai perder um dos componentes mais importantes da matemática financeira, que são os juros sobre juros”, diz Valter. “Quando você entende isso, você faz o dinheiro trabalhar para você.”

Como aprender mais sobre finanças pessoais?

Há várias maneiras de você aprender um pouco mais sobre finanças pessoais. E a internet está aí para isso. A Anbima e o Banco Central têm programas voltados para a educação financeira, assim como a CVM e a B3 também.

Aqui, na Inteligência Financeira, você encontra os conteúdos que mexem com o dia-a-dia do seu bolso na editoria Saiba, e, em Aprenda você tem o passo a passo sobre como lidar com seu dinheiro. E no Siga você encontra tutoriais e vídeos com explicações práticas sobre dúvidas do mundo das finanças. E ainda tratamos sobre criptomoedas, inflação, investimentos, índices e cotações, além de uma séries de guias que vão orientar suas escolhas.

Quando começar a falar sobre educação financeira?

Quanto antes, melhor. Tem filho em idade que já começa a aprenda a fazer continhas? Essa é a hora. Marcou o primeiro encontro com o crush? Já combina como vão pagar a conta da balada para evitar surpresas desagradáveis. “É claro que você não vai ter a mesma conversa com uma criança de 7 anos, com um adolescente de 15 e um adulto de 30”, afirma Valter. Mas o objetivo é o mesmo, que é entranhar a educação financeira nas pessoas.

Para que serve a educação financeira?

Ter uma boa educação financeira serve para muitas coisas. “Uma pessoa educada financeiramente sabe as consequências das suas decisões financeiras; onde procurar ajuda; conhece as oportunidades; identifica os riscos de cada decisão; pode evitar a inadimplência”, afirma Valter. E o melhor: você vai conseguir fazer um planejamento de curto, médio e longo prazos, seja para viajar, estudar, casar, enfim. O plano é seu. É só organizar tudo bem direitinho, com inteligência financeira.

Colaborou Anne Dias


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 01.jul.2022 às 08h43
Manhã Inteligente Publicado em 30.jun.2022 às 12h06
PIB dos Estados Unidos, investimentos em debêntures, golpes financeiros

Isabella Carvalho e Ítalo Martinelli comentam esses e outros assuntos que podem afetar seu bolso nesta quinta (30)

Redação IF Publicado em 30.jun.2022 às 07h34
Câmara amplia teto do crédito consignado a 45% e autoriza desconto até em programa assistencial

Modalidade de empréstimo desconta imediatamente parte da renda da pessoa para quitar o financiamento

Listas IF Publicado em 29.jun.2022 às 17h13
Como evitar compras por impulso

O que fazer para não gastar sem controle e comprometer seu orçamento? Veja as dicas do Listas IF

Redação IF Atualizado em 02.jul.2022 às 14h44
Golpes financeiros: veja como os fraudadores agem e saiba como dribla-los

Até a filha da Xuxa foi vítima de criminosos; desconfie de ganhos fáceis