Qual é a melhor estratégia para negociar com criptomoedas?

Compre aos poucos e venda olhando os gráficos de tendência ou quando seu prazo chegar

cropped-Criptomoedas_ilustra-1.jpg

Pontos-chave

  • Fique atento às movimentações do bitcoin, porque ele dita os rumos do mercado
  • No lançamento, uma criptomoeda costuma ser barata e tende a se valorizar

O mercado de criptomoedas é relativamente novo para o investidor e gera muitas dúvidas. Quando comprar? E vender? Quanto da carteira investir? Para tirar essas dúvidas conversamos com Ney Pimenta, CEO e fundador da Bitpreço, empresa que funciona como um marketplace que conecta várias exchanges.

Quando investir em criptomoedas?

Ney explica que o melhor momento para comprar criptos é aquele óbvio, que vale para qualquer tipo de ativo: quando os preços caem. “Quando os preços sobem, é melhor esperar a euforia passar, esperar as notícias diminuírem”, afirma. “Outro momento bom para comprar uma criptomoeda é quando ela é lançada, porque aí o valor está bem baixo e tende a se valorizar. Essa estratégia requer cuidado, pois esses novos projetos ainda não foram testados no mercado, e há sempre o risco de ser um golpe”.

Quando vender uma criptomoeda?

Pergunta complexa, que tem pelo menos duas respostas. Uma diz respeito aos indicadores que também são usados no mercado financeiro tradicional, como gráficos de médias móveis, resistências de quedas e subidas. “Vale a pena estudar gráficos e outros indicadores, eles podem ser bem úteis” explica Ney. A outra resposta tem a ver com seu momento: se chegou o prazo que você colocou para a venda, é hora de executar seu plano inicial.

Qual é a força do bitcoin?

Fique atento ao bitcoin: ele é a criptomoeda que dita os rumos do mercado, que direciona o mercado. Quando sobe, as outras criptos, em geral, acompanham, e o mesmo acontece na queda.

Vendo as criptomoedas de uma vez ou aos poucos?

“Existe uma tendência no mercado de ir fazendo aos poucos, seja para comprar ou para vender, esse é o normal. Se você está prevendo numa queda forte do mercado, você vai lá e vende tudo, mas o que a gente vê normalmente é se fazer aos poucos, é mais garantido que você não se arrependa”, afirma.

É melhor vender para exchange ou para um investidor?

Ney diz que não recomenda vender para particular. “É bastante perigoso, a menos que você conheça a pessoa ou tenha uma boa indicação. Ter uma exchange conhecida e consolidada, você vai ter uma segurança bem maior, seus ativos vão ser entregues após o pagamento do comprador. Use uma Exchange, já vi muitos golpes acontecerem entre pessoas físicas”.

Quais dicas valem ouro no mercado de criptomoedas?

O segredo é ir acompanhando o mercado. Se você está começando, invista valores menores, algo como 1% da sua carteira como um todo. Um dia seu dinheiro vai aumentar, no outro vai diminuir e o importante é ir aprendendo. É um mercado bem volátil e arriscado, é sempre bom ir nas moedas mais consolidadas como bitcoin e etherium. Então o segredo é ter calma e estudar.

Colaborou Anne Dias


Você também pode gostar
Valor Econômico Publicado em 17.maio.2022 às 07h47
Maior parte das ações na Bolsa acumula queda desde início de 2021

Das 100 ações do IBrX, 64 têm perda no período

Diogo Rodriguez Publicado em 16.maio.2022 às 17h04 Duração 1 min.
O que é investir? Basicamente, é emprestar dinheiro

A gente ouve falar muito em investimentos. Mas o que é investir? O que significa esse ato? Veja mais no Me Explica na IF

Redação IF Publicado em 16.maio.2022 às 15h16
Estrangeiros já sacaram R$ 12,6 bilhões da Bolsa em maio

Movimento positivo no ano diminuiu para R$ 45,03 bilhões

Manhã Inteligente Publicado em 16.maio.2022 às 10h50
Greve no Banco Central, dados econômicos de Brasil e EUA, novo índice agro na B3

Isabela Carvalho e Victor Vietti comentam esses e outros assuntos que podem afetar seus investimentos