É possível ganhar dinheiro com a volatilidade do mercado?

Se você investe em renda variável, pode esperar um ano com fortes emoções, mas também com grandes oportunidades

Volatilidade: o que é isso? o que eu faço? Por que o ano 2022 vai ficar tão volátil?
– Ilustração: Renata Miwa

Pontos-chave

  • Setores como o de commodities e o financeiro são beneficiados neste período
  • Investir em ativos com mais risco requer conhecimento, informação e estratégia de longo prazo

Você já deve ter lido aqui mesmo, na Inteligência Financeira, que 2022 será um ano volátil quando o assunto é investimentos. Mas, por que isso deve acontecer? “A volatilidade tem a ver com a variação de preços. É comum que ela seja associada a riscos e esteja presente em períodos de maior incerteza. Historicamente, anos eleitorais trazem mais volatilidade para inúmeros ativos. Além disso, têm outras coisas acontecendo que afetam os investidores brasileiros, como a retirada de estímulos monetários nos Estados Unidos e o aumento de juros no Brasil. Tudo isso contribui para um cenário mais instável”, explica Gustavo Akamine, analista da Constância Investimentos.

Ou seja, se você investe na Bolsa e em ativos de renda variável, pode esperar por um ano com fortes emoções. Mas, a volatilidade por si só não é sinônimo de risco. É nela também que aparecem boas oportunidades de investimento. “É comum que todos os ativos sofram com essa variação, mesmo que eles não tenham tanto a ver com as mudanças de cenário. Muitas vezes o mercado cai como um todo, o que abre oportunidades para investir se você estiver disposto a manter sua estratégia por um período maior a ponto de normalizar esse risco”, explica Gustavo. 

A saída é pensar no longo prazo

Ganhar dinheiro nesse cenário, portanto, significa entender que o sobe e desce do mercado financeiro faz parte do jogo, e que manter uma estratégia de longo prazo pode ser uma boa saída. “O mercado brasileiro está sendo muito penalizado em relação ao passado e a outros mercados e moedas. Nesse momento, acreditamos que os ativos estão desvalorizados. Portanto, as empresas brasileiras estão baratas. Para o investidor de longo prazo é um cenário interessante”, ressalta Gustavo. 

No que você deve prestar atenção?

Alguns setores acabam se beneficiando deste período de volatilidade, despertando a atenção dos investidores. “Temos inúmeras empresas de commodities no Brasil que são exportadoras e, no período de depreciação do câmbio, elas tendem a se valorizar mais. É o que temos visto nas últimas semanas. Além disso, com juros mais altos, os bancos também se beneficiaram”, explica Gustavo. 

Apesar das oportunidades, fica um alerta: investir em ativos mais arriscados requer conhecimento e informação. “É fundamental aprender mais sobre o tema, entender os riscos e que é possível ter ganhos expressivos, mas também perdas expressivas. É importante também reservar uma parcela de dinheiro que não vai fazer falta. A dica é olhar para um horizonte que ultrapasse os riscos atuais”, ressalta o assessor. 


Você também pode gostar
Redação IF Publicado em 01.jul.2022 às 18h00
Ibovespa tem sessão de alta liderada por Petrobras e sobe 0,29% na semana

Entre as baixas, se destacaram empresas do setor de minério de ferro devido à preocupação com a retomada da China

Papo de Finanças Atualizado em 02.jul.2022 às 08h21
Como as eleições interferem nos seus investimentos?

De alguma maneira, seu bolso será afetado pelas eleições do fim do ano. O que pode acontecer? Nina Silva explica

Redação IF Publicado em 01.jul.2022 às 15h23
Track&Field anuncia programa de recompra de ações; conheça a estratégia

Muitos motivos levam uma empresa a realizar uma OPA, e você pode ganhar dinheiro com isso

Redação IF Atualizado em 01.jul.2022 às 15h13
Dólar dispara e supera R$ 5,33 com temores de recessão global no radar

Mercado também repercute aprovação de PEC que libera gasto bilionário às vésperas das eleições

Redação IF Publicado em 01.jul.2022 às 10h21
Criptomoedas iniciam julho no vermelho com bitcoin abaixo de US$ 20 mil

Bitcoin teve sua pior perda trimestral em mais de uma década

Redação IF Publicado em 01.jul.2022 às 08h43