Dica do especialista: fundo de longo prazo, que acompanha índice de inflação

O ETF IB5M11 é renda fixa com foco na proteção de capital

DICA DO ESPECIALISTA
Victor Vietti, do Itaú Unibanco, mostra os investimentos para você ficar de olho – ou evitar

Pontos-chave

  • Investidores têm que ficar de olho no aumento dos preços
  • Vencimentos acima de 5 anos dão os maiores prêmios

A diversificação em renda fixa pode ser uma boa estratégia em tempos de grandes oscilações e incertezas no mercado financeiro. E se, além de diversificar em ativos um pouco mais seguros, você ainda conseguir não perder dinheiro para a inflação, tanto melhor, certo? Essa é a estratégia do ETF IB5M11. O papel espelha, portanto, o benchmark o IMAB5+, elaborado pela Anbima.

Só para contextualizar, existem vários IMAs. Este em questão, é composto por títulos públicos indexados ao IPCA (NTN-B) e, por se tratar da categoria 5+, tem prazos superiores a 5 anos. “Ainda que a inflação mostre que esteja começando um processo de queda, o investidor e a investidora têm que ficar de olho no aumento dos preços sempre. Por isso, a diversificação dos investimentos é importante”, afirmou Victor Vietti, especialista líder em investimentos do Itaú Unibanco, durante o Manhã Inteligente desta terça-feira (17). “E vencimentos acima de 5 anos devem dar os maiores prêmios”, disse Victor.

O que é o IB5M11?

Justamente por ser um ETF, o IB5M11 é um fundo passivo, administrado pelo Itaú Unibanco e cuja cotação muda conforme o índice IMAB5+. O papel não tem um gestor tentando procurar o melhor ponto. “Ele é mais mecânico, tem eficiência de custo para fazer a proteção de capital dos investidores”, afirma Victor. A função do título é dar ao investidor e à investidora a possibilidade de se ter em um investimento diversos títulos públicos.

Conheça o IMA, índice da Anbima composto por títulos públicos

Segundo a Anbima, o IMA é formado por uma carteira de títulos públicos, e é bem parecido com o portfólio que compõe a dívida pública interna brasileira. Isso significa que o indicador apresenta os mesmos papéis, na mesma proporção, que é o IMA-Geral.

O IMA-B 5+ é formado por títulos públicos indexados à inflação medida pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), que são as NTN-Bs (Notas do Tesouro Nacional – Série B ou Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais) com vencimento igual ou acima de cinco anos.

Sobre o Nosso Manhã Inteligente

Vem com a gente: o Manhã Inteligente acontece de segunda a sexta-feira, aqui no site da Inteligência Financeira e também nas nossas redes sociais (Linkedin e Instagram) e YouTube, sempre às 9h30.

A Inteligência Financeira é um canal jornalístico e este conteúdo não deve ser interpretado como uma recomendação de compra ou venda de investimentos. Antes de investir, verifique seu perfil de investidor, seus objetivos e mantenha-se sempre bem informado.

Investir em quê? Encontre e compare investimentos de todo o mercado

Parceiro da Inteligência Financeira, o Investir em Quê? é sua fonte confiável para buscar onde investir com isenção, transparência e sem complicação


Você também pode gostar
Papo de Finanças Publicado em 24.jun.2022 às 17h04 Duração 8 min.
Como ter segurança nos investimentos?

Você está se sentindo aflita com tanta instabilidade na economia? Nina Silva explica o que fazer em momentos tão tensos

Redação IF Publicado em 24.jun.2022 às 16h21
Americanos buscam ações defensivas com medo da recessão

Investidores monitoram o Fed, que quer derrotar a inflação a qualquer custo

Redação IF Publicado em 24.jun.2022 às 12h57
Dólar apresenta volatilidade e bate R$ 5,27 na máxima

Moeda americana opera sem uma tendência definida

Redação IF Publicado em 24.jun.2022 às 12h53
Inflação e baixa renda inibem recuperação do consumo no Brasil

Indicador da FGV mostrou uma melhora da confiança entre as faixas de maior poder aquisitivo

Redação IF Publicado em 24.jun.2022 às 11h46
Redação IF Atualizado em 24.jun.2022 às 10h38
Bitcoin volta a ficar acima de US$ 21 mil

Ether supera US$ 1.200 apesar de atenção com Voyager e CoinFlex