Desconfiança causa corrida contra cripto pareada em dólar

Mercado receia um derrame de bitcoins em operação para salvar a stablecoin UST

Imagem representa troca de Bitcoins por dinheiro
– Ilustração: Marcelo Andreguetti/IF

Pontos-chave

  • A stablecoin UST é pareada em dólar e chegou a valer US$ 0,70
  • Investidores buscaram sacar criptos, acreditando que o pareamento não seja viável

Nem só de eventos macroeconômicos se guiam os negócios com bitcoin. Os investidores na maior criptomoeda em valor de mercado estão em pânico com a possibilidade de um derrame de bitcoins em uma operação para salvar a stablecoin UST, da blockchain Terra. As stablecoin (moeda estável, na tradução literal) são criptomoedas pareadas em moedas fiduciárias, como dólar e euro, e outros ativos reais, como ouro ou prata. A UST é uma stablecoin pareada em dólar: 1 UST vale US$ 1.

Na segunda-feira (9), a UST chegou ao valor de US$ 0,70, pela primeira vez em sua história, provocado por uma espécie de corrida bancária, na qual os investidores buscaram sacar sua criptos alimentados pela desconfiança de que o mecanismo de pareamento não seja viável.

O que é o UST?

Criado em Cingapura pelo Terraform Labs em 2018, o UST é conhecido como stablecoin “algorítmica”. Parte do projeto do blockchain Terra, destina-se a rastrear o valor do dólar, como os tokens de mesmo propósito tether e USDC. No entanto, ao contrário dessas criptomoedas, o Terra não possui dinheiro e outros ativos mantidos em reserva para lastrear seu token e utiliza uma mistura complexa de códigos – juntamente com outro token da mesma instituição, o Luna – para estabilizar os preços.

A reportagem da CNBC aponta que o UST é importante para os investidores em bitcoin, pois a Luna Foundation Guard, uma organização que apoia o projeto Terra, está com bilhões de dólares em bitcoin que podem ser despejados no mercado a qualquer momento – o que derrubaria os preços do bitcoin.

Em entrevista à CNBC, o diretor de investimentos da Bitwise Asset Management, Matt Hougan, ressaltou que os investidores profissionais no mercado cripto “estão de olho na UST, observando se ela pode manter sua atrelagem ao dólar” e que “existe claramente um risco significativo no mercado”.

A Luna Foundation Guard comprou US$ 3,5 bilhões em bitcoin para fornecer proteção para a UST em tempos de crise. Em tese, o UST poderia, eventualmente, ser resgatado por bitcoin em vez do token Luna, mas isso ainda não foi colocado em prática. Na segunda-feira, a Luna Foundation informou que emprestaria US$ 750 milhões em bitcoin para operadores para “ajudar a proteger o UST”, enquanto outros 750 milhões de UST seriam utilizados para comprar mais bitcoin “à medida que as condições do mercado se normalizarem”.

Impacto na cotação de bitcoins

Ainda segundo a CNBC, agentes do mercado de cripto estão preocupados que a Luna Foundation possa ter vendido, ou venderá, uma grande parte de seus bitcoins para sustentar o valor do UST. O movimento pode ter tipo impacto direto na queda registrada na segunda-feira do preço do bitcoin, que chegou a ser negociado a abaixo de US$ 30 mil, atingindo seu preço mais baixo desde julho do ano passado.

Enxurrada de bitcoins no mercado era esperada

Um dos fundadores da Coin Metrics, Nic Carter, disse à CNBC que essa “enxurrada” de bitcoins no mercado “seria uma calamidade, mas já é esperada”. “Nenhuma stablecoin algorítmica já teve sucesso e o UST não deve ser exceção”, acrescentou.

Com conteúdo do site Valor Investe, um veículo Globo Notícias


Você também pode gostar
Anne Dias Publicado em 20.maio.2022 às 11h12
Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 11h04
Dólar cai até R$ 4,89 e juros futuros oscilam perto da estabilidade

Moeda americana se desvaloriza em todo o mundo nesta manhã

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 11h01
Bolsas de NY apontam para recuperação na sessão desta sexta

Mercado americano vem de dois pregões seguidos de queda

Manhã Inteligente Publicado em 20.maio.2022 às 10h40
ETFs de renda fixa, privatização da Eletrobras, queda de lucro de empresas

Isabella Carvalho e Caio Camargo falam sobre esses e outros assuntos que podem afetar seus investimentos nesta sexta (20)

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 09h28
Rio ou São Paulo: onde o aluguel é mais barato?

Se for para investir, cuidado. Até a poupança tem rentabilidade melhor do que a locação

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 08h16
Bolsas asiáticas fecham em alta após China cortar taxa de juros

Mesmo assim, os investidores seguem atentos à perspectiva de aumento dos juros nos EUA

Redação IF Publicado em 20.maio.2022 às 08h09
Fundos de ações de Petrobras e Vale renderam até 25 vezes mais que o FGTS desde o lançamento

Trabalhador poderá usar dinheiro do fundo de garantia para comprar ações da Eletrobras